Recentemente realizamos os estudos de demanda do Lote D (Florínea - Igarapava) das concessões estaduais de rodovias do Estado de São Paulo, consistindo em avaliar a demanda pagante relativa a 11 praças de pedágio. As principais atividades contemplaram:

  • Caracterização da Área de Estudo: aspectos demográficos e econômicos, ocupação e uso do solo regional, produção regional;

  • Caracterização da Evolução do Tráfego, incluindo análise de dados históricos dos volumes de tráfego das praças de pedágio existentes na rodovia, análise de praças testemunhas, cálculo de fatores de sazonalidade mensal e semanal;

  • Análise de rotas alternativas e rotas de fuga com:

    • Inspeção de campo;

    • Registro dos pontos notáveis e sua respectiva quilometragem;

    • Análise das localizações existentes e previstas para as praças de pedágio e a malha viária na área de influência das rodovias, suas respectivas condições físicas e trafegabilidade;

    • Avaliação das possíveis vias alternativas que possam absorver tráfego das rodovias de interesse;

    • Elaboração de desenhos esquemáticos junto às praças de pedágio, representando as rodovias que compõem as rotas de fuga de cada praça;

    • Elaboração de estratégia para eliminação/minimização de rotas de fuga, seja realocando praças de pedágio ou implantando medidas físicas de bloqueio de acessos viários;

  • Especificação e Análise de Resultados de Pesquisas de Tráfego (incluindo contagens volumétricas e pesquisas de origem e destino);

  • Desenvolvimento de modelo de alocação de tráfego contendo 308 zonas e rede matemática representativa de rodovias nos estados de São Paulo, Paraná, Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso do Sul.

  • Identificação e estudo de rotas alternativas, em apoio às análises das possíveis rotas de fuga ou caminhos alternativos (considerando sempre os projetos existentes, públicos ou privados, para a expansão do sistema viário da área de influência, com potencial para interferir no desempenho futuro da Concessão);

  • Análise de Sensibilidade do Valor do Tempo (SVTTS);

  • Estimativa do Crescimento do Tráfego Futuro para veículos de passeio e veículos comerciais em um horizonte de 30 anos;

  • Análise de Capacidade para os segmentos homogêneos de tráfego das rodovias componentes do lote estudado;

  • Cálculo de Número N;

  • Dimensionamento das Praças de Pedágio.

A Sinergia tem experiência no desenvolvimento de estudos de demanda para mais de 18 mil km de rodovias no Brasil, tanto para novas licitações quanto para concessionárias, incluindo:

 

  • Análise socioeconômica da área de influência da rodovia;

  • Inspeção de campo para caracterização física da rede, análise de rotas de fuga existentes ou potenciais e indicação de localização de praças de pedágio;

  • Especificação e análise de pesquisas de campo (contagens volumétricas, origem e destino, preferência declarada);

  • Desenvolvimento de modelos matemáticos para estimação de demanda;

  • Análise de competição intermodal;

  • Projeção de demanda;

  • Análise de capacidade;

  • Número N para pavimentação;

  • Análise tarifária.

© Sinergia :: Praia do Flamengo, 278 cj 52 :: Rio de Janeiro - Brasil :: TEL/FAX: + 55 21 2553-3994